napaenem

Com o início do horário de verão neste domingo, 18, e também devido aos diferentes fusos horários existentes no Brasil, é importante que os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2015 saibam com clareza quais serão os horários de abertura dos portões e de início das provas nos estados onde participarão do exame. A aplicação acontece no próximo fim de semana, nos dias 24, sábado, e 25, domingo, de outubro, em todo o país, seguindo o horário oficial de Brasília.

O edital do exame prevê que, segundo o horário oficial de Brasília, os portões permanecerão abertos das 12h às 13h e o início das provas acontecerá às 13h30. “A atenção às diferenças de horários em um país de dimensões continentais evita correria de última hora e contribui para a segurança e tranquilidade na aplicação das provas. É importante estar atento e saber a correspondência do horário local com o oficial de Brasília”, afirma o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Chico Soares.

Verão – Como o Distrito Federal é uma das unidades da Federação que adotaram este ano o horário de verão, os prazos determinados pelo edital valem, além de Brasília, para todos os outros estados que também o utilizam. São eles: Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

Entre os estados que não adotaram o horário de verão, a abertura dos portões será das 11h às 12h (horário local), com o início das provas às 12h30: Amapá, Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

Outros – Nos estados do Amazonas, Rondônia e Roraima, onde o fuso horário local, após o início do horário de verão, permanece com duas horas a menos que Brasília, a abertura dos portões nos locais de aplicação do Enem acontecerá às 10h e o fechamento às 11h, com o início das provas às 11h30. Já no Acre, único estado brasileiro cujo fuso horário está com três horas a menos, os portões ficarão abertos das 9h às 10h e o início das provas ocorrerá às 10h30.

Sabatistas – No Acre, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Roraima e Rondônia, os participantes que se inscreveram no Enem como sabatistas (guardam o sábado por motivos religiosos) devem ficar atentos a mais uma exceção importante prevista no edital do exame. Eles deverão entrar nos locais de prova nos mesmos prazos que os outros participantes de seus respectivos estados, porém, o início das provas acontecerá às 19h do horário local.

Provas – Os participantes farão quatro provas objetivas, cada uma com 45 questões de múltipla escolha e uma prova de redação. No sábado, 24 de outubro, serão realizadas as provas de ciências humanas e suas tecnologias e de ciências da natureza e suas tecnologias, com duração de 4 horas e 30 minutos, contadas a partir da autorização do aplicador. No domingo, 25, será a vez de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias, com duração de 5 horas e 30 minutos.

Veja a seguir a tabela detalhada com os horários de abertura dos portões e de início das provas em cada Unidade da Federação:

tabela_2015_enem

Assessoria de Comunicação Social do Inep
Leia também sobre o Enem de 2015:

Tags: , , ,

Comentário



19
out

ENEM 2015 – Horário de Verão

por Sônia R. Aranha às 0:40 em: ENEM

Tags: ,

Comentários (2)



07
out

ENEM 2015 : provas 24 e 25 de outubro

por Sônia R. Aranha às 19:53 em: ENEM

Nos dias 24 e 25 de outubro, 7.746.118 participantes farão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a segunda maior prova de acesso ao Ensino Superior do mundo. O Enem fica atrás somente do exame gaokao, realizado na China, que em 2015 superou os 9 milhões de inscritos. Diferentemente do Enem, que pode ser prestado várias vezes, no exame chinês os estudantes têm apenas uma chance de acesso à Educação Superior.

Entre os participantes do Enem, 4.458.265, ou cerca de 57,5%, são mulheres, enquanto 3.287.853 são homens. A maior parcela dos candidatos ( 3,5 milhões, ou seja, 45,5%) se declarou parda, enquanto 2,8 milhões se declararam brancos e 983 mil, negros.

O Sudeste é a região com maior número de inscritos, 2,8 milhões, seguido pelo Nordeste, com 2,4 milhões; Sul (915 mil), Norte (817 mil) e Centro-Oeste (702 mil). A edição 2015 é a primeira vez de 2.525.080 participantes. Outros 5.221.038 repetem o exame.

Além da vaga na Educação Superior e em programas do governo federal, 867.968 participantes do Enem buscam a Certificação do Ensino Médio.

Provas

Os participantes farão quatro provas objetivas, cada uma com 45 questões de múltipla escolha e uma prova de redação. No sábado, 24 de outubro, serão realizadas as provas de ciências humanas e suas tecnologias e de ciências da natureza e suas tecnologias, com duração de 4 horas e 30 minutos, contadas a partir da autorização do aplicador. No domingo, 25, será a vez de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias, com duração de 5 horas e 30 minutos.

A aplicação das provas começará às 13h30 e deverá ser considerado, sempre, o horário oficial de Brasília. Os candidatos terão acesso aos locais de prova a partir das 12 horas. Os portões serão fechados às 13 horas, em todas as unidades da Federação. Assim, quem mora em Manaus, por exemplo, terá de chegar ao local de prova até as 12 horas locais; em Rio Branco, às 11 horas, também pelo horário local.

Este ano, o cartão de confirmação do Enem terá formato digital. Com isso, os participantes devem buscar o acesso ao sistema de inscrição do exame pela internet — nas edições anteriores, o comprovante era enviado pelos Correios.

Enem

O Enem é um mecanismo de democratização do acesso às políticas públicas de educação. Com a nota obtida no Enem, o estudante pode tentar uma vaga na Educação Superior por meio do programa Universidade para Todos (ProUni), que permite a estudantes brasileiros de baixa renda obter bolsas de estudos integrais e parciais (50% da mensalidade) em instituições particulares de Educação Superior.

O resultado também é requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), participar do programa Ciência sem Fronteiras e ingressar em vagas gratuitas dos cursos técnicos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). Estudantes maiores de 18 anos podem também obter a certificação do Ensino Médio por meio do Enem.

Fonte: Ministério da Educação

Tags:

Comentário



FONTE: Assessoria de Comunicação Social, com informações do Inep

Cartão de confirmação tem o acesso de 40% dos inscritos

Quarta, 07 de outubro de 2015, 14h00

O número de inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2015 que buscaram o acesso on-line ao cartão de confirmação chegou a 3.103.736 (40%) na manhã desta quarta-feira, 7. Proporcionalmente, o Nordeste é a região com o maior número de acessos — dos 2.487.919 inscritos na referida região, 1.101.879 (44,2%) já sabem o local de prova.

No Sudeste, região com maior número total de participantes, dos 2.820.487 inscritos, 1.126.141 (39,9%) conferiram o cartão. Em seguida, estão as regiões Centro-Oeste, com 262.457 (37,3%) acessos para 703.665 participantes, e Sul, 341.367 (37,1%) para 917.879. Na região Norte, 271.892 (33,3%), de um total de 816.288.

Nesta edição do exame, os cartões estão disponíveis exclusivamente pela internet. O cartão apresenta os dados do participante — nome, CPF, número de inscrição, opção de língua estrangeira (inglês ou espanhol), necessidade de atendimento especializado ou específico (se houver) e indicação de solicitação de certificação do ensino médio (se for o caso), além de data, hora e local de realização das provas.

Os inscritos no exame deste ano têm acesso ao cartão de confirmação na Página do Participante. É necessário informar CPF e senha para visualizar e imprimir o documento. Quem esqueceu a senha pode recuperá-la na mesma página. Basta informar o CPF e a data de nascimento. Uma nova senha será encaminhada por e-mail ou mensagem no telefone celular (SMS).

Tags:

Comentário



18
mai

ENEM 2015: saiu o edital, confira

por Sônia R. Aranha às 16:30 em: ENEM

Por INEP:

O edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2015 foi publicado nesta segunda feira, 18, no Diário Oficial da União, trazendo novidades importantes aos participantes. Os destaques são medidas para reduzir a abstenção, ampliar a segurança e dar mais tranquilidade aos participantes durante a aplicação das provas, marcadas para os dias 24 e 25 de outubro.

11138090_856906014357214_3161929660169806708_n

Uma das principais inovações é que os candidatos isentos de taxa de inscrição que não comparecerem nos dois dias de provas perderão o benefício para a edição seguinte. O objetivo é diminuir os índices de abstenção e, com isso, evitar desperdício de dinheiro público.

Além das pessoas que se declararem carentes, estão isentos da taxa de inscrição os concluintes do ensino médio em 2015 matriculados em escolas da rede pública. Para os demais, o valor é de R$ 63.

As inscrições deverão ser realizadas pela internet e estarão abertas das 10h de 25 de maio até as 23h59 de 5 de junho próximo, pelo horário oficial de Brasília. O pagamento poderá ser efetuado até as 21h59 (horário de Brasília) do dia 10 de junho. A confirmação das inscrições será feita apenas pela página do Enem na internet.

Durante o ato da inscrição, os candidatos precisarão informar um número de celular ou de telefone fixo válidos, bem como cadastrar um endereço eletrônico (e-mail), o qual não poderá ser utilizado por outro participante. Será necessário ainda criar pergunta e resposta de segurança.

Tempo – Outra novidade é que a aplicação do Exame terá início às 13h30. Os portões nos locais de provas continuarão sendo abertos às 12h e fechados às 13h (horário de Brasília). Porém, esse tempo extra de meia hora será utilizado com procedimentos de segurança, para que todos os presentes entrem em sala e guardem seus pertences com tranquilidade.

O período total de duração das provas permanece em quatro horas e meia no sábado e cinco horas e meia no domingo.

Para aperfeiçoar o atendimento e evitar fraudes, a inscrição de travestis e transexuais que pretendem ser identificados pelo nome social também terá alterações. Esses candidatos deverão fazer a inscrição normalmente, no período estabelecido no edital. Posteriormente, dentre os dias 15 e 26 de junho, deverão encaminhar, por meio do sistema do participante na página do Enem na internet, cópia de documento de identificação, uma foto recente e o formulário preenchido, disponível on-line.

Além disso, haverá melhorias no atendimento a pessoas com visão monocular (que enxergam com apenas um dos olhos) ou com discalculia (dificuldade ou desabilidade para fazer cálculos matemáticos). Quem tem visão monocular pode pedir prova ampliada e em braile, ledor e transcritor. Candidatos com discalculia podem pedir auxílio de ledor e de transcritor.

Oportunidades – A nota do Enem é usada como critério de acesso à educação superior por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas em 115 instituições públicas, e do Programa Universidade para Todos (ProUni). A participação na prova é ainda requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), participar do programa Ciência sem Fronteiras ou ingressar em vagas gratuitas dos cursos técnicos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). Estudantes maiores de 18 anos podem também obter a certificação do ensino médio por meio do Enem. (Assessoria de Comunicação Social do Inep)

Leia o edital do Enem no Diário Oficial

Em caso de dúvidas, ligue para 0800 616161

Tags: ,

Comentário



14
mai

ENEM 2015 : inscrições de 25/05 até 05/06

por Sônia R. Aranha às 22:22 em: ENEM

Edição de 2015 abre inscrições no dia 25 e provas serão realizadas em outubro

11105150_855151084532707_7426589057192026542_n

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2015 será realizado nos dias 24 e 25 de outubro. Medidas para reduzir a abstenção, ampliar a segurança e dar mais tranquilidade aos participantes são os destaques do edital do exame, que será publicado na segunda-feira, 18.

As inscrições, pela internet, serão abertas às 10h do dia 25 e se estenderão até as 23h59 de 5 de junho próximo, pelo horário oficial de Brasília. O anúncio foi feito nesta quinta-feira, 14, pelo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, pelo secretário executivo MEC, Luiz Cláudio Costa, e pelo presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Chico Soares.

Os candidatos isentos de taxa de inscrição que não comparecerem nos dois dias de provas perderão o benefício para a próxima edição. O objetivo da iniciativa é diminuir os índices de abstenção e, com isso, evitar desperdício de dinheiro público. Na edição do ano passado, dos 8.721.946 inscritos, 2.494.477 faltaram aos dois dias de provas — abstenção de 28,6%.

A principal medida para reduzir o número de faltosos não é o aumento da taxa”, observou o ministro. “É a suspensão da isenção para quem se inscrever e não comparecer. Quase 30% das provas têm sido impressas, transportadas, previstas infraestrutura e segurança, para pessoas que não aparecem.”

Nos dois dias de exame, os portões nos locais de provas serão abertos às 12h e fechados às 13h (horário de Brasília). A diferença em relação aos exames anteriores é o início das provas, às 13h30. O tempo extra de meia hora será usado para procedimentos de segurança, como revista eletrônica, e para dar tempo a todos os presentes de entrar em sala e guardar os pertences. O período total de duração das provas permanece em quatro horas e meia no sábado e cinco horas e meia no domingo.

Vamos ter mais uma presença para registrar em ata a abertura dos malotes com as provas, com todo mundo já na sala”, explicou o presidente do Inep, Chico Soares. “É um controle extra. É o grande momento de risco, quando ela é aberta. Assim, conseguimos mais segurança e mais garantia de que teremos um Enem que cumpra as suas funções.”

Nome — Para aperfeiçoar o atendimento e também evitar fraudes, a inscrição de travestis e transexuais que pretendem ser identificados pelo nome social terá alterações. Esses candidatos devem fazer a inscrição normalmente, no período estabelecido no edital. Para usar o nome social, eles devem encaminhar cópia de documento de identificação, foto recente e formulário disponível on-line, preenchido, entre os dias 15 e 26 de junho, pelo sistema do participante, na página do Enem na internet.

Especiais — Nesta edição também haverá melhorias no atendimento a pessoas com visão monocular (que enxergam com apenas um dos olhos) e com discalculia (dificuldade ou desabilidade para fazer cálculos matemáticos). Quem tem visão monocular pode pedir prova ampliada e em braile, ledor e transcritor. Candidatos com discalculia podem pedir auxílio de ledor e de transcritor.

Oportunidades – A nota do Enem é usada como critério para:

– Acesso  à educação superior por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas em 115 instituições públicas;

-Ao Programa Universidade para Todos (ProUni);

– Requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies),

– Requisito para participar do programa Ciência sem Fronteiras;

– Para  ingressar em vagas gratuitas dos cursos técnicos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec).

Certificado de Conclusão do Ensino Médio para maiores de 18 anos.

Inscrição — Estão isentos da taxa de inscrição os concluintes do ensino médio em 2015, matriculados em escolas da rede pública, além das pessoas que se declararem carentes. Para os demais, o valor é de R$ 63. O pagamento deve ser feito até às 21h59 (de Brasília), do dia 10 de junho. A confirmação das inscrições será feita apenas pela página do Enem na internet.

Assessoria de Comunicação Social

Tags: ,

Comentários (2)






  • Veja Também


    Meta