03
ago

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O que mais tem por aí é aluno enganado por supletivos de ensino médio que vendem gato por lebre.

O supletivo é particular , mas de fato não é uma escola, apenas um intermediário a vender certificados.

O aluno desavisado, encantado com a rapidez e pouco esforço que terá para obter o certificado de conclusão do ensino médio, cai na arapuca e paga e até faz provas.

Mas o problema é que quando recebe o certificado ele não foi expedido pela “escola” que ele pagou e estudou.

Não.

O certificado é de um outro Estado, em geral, do Estado do Rio de Janeiro.

Essas arapucas em geral também fecham, somem, desaparecem o que torna difícil prestar uma queixa crime ou mesmo entrar com uma ação indenizatória, afinal o certificado entregue não tem validade.

E por que não tem validade?

Porque a escola que consta no certificado não tem autorização de funcionamento da Secretaria de Educação daquele Estado para certificar alunos do ensino médio. Algumas sequer tem autorização de funcionamento de seus próprios Estados.

Exemplo:

O aluno é de São Paulo, capital. Fica todo feliz que encontrou um milagre: em três meses termina os três anos de ensino médio. Paga , faz avaliação e depois recebe uma declaração ou um histórico. Às vezes consegue o certificado e quando isso ocorre o nome da escola que ele supunha ser escola que o certificaria não consta  e sim o de uma outra escola que ele nunca viu e que fica no Estado do Rio de Janeiro.

Ele, desavisado, pega o certificado e lampeiro da vida presta vestibular e ingressa na faculdade. A faculdade não faz conta no primeiro momento da documentação e muitos terminam a faculdade e somente na hora de receberem o diploma é que descobrem que não possuem o registro no GDAE.

O GDAE é um cadastro exclusivo para alunos do Estado de São Paulo, mas como o certificado é do Rio de Janeiro , o aluno não tem o GDAE e sem o GDAE não consegue o diploma de ensino superior mesmo tendo sido aprovado durante todo o curso do ensino superior.

Bem, o que fazer diante disso?

Digo para você que está nesta situação: você entrou em uma fria e não é fácil de sair.

Tudo dependerá da escola que o certificou. Cito algumas que espalharam certificados por aí: Pódio, Centro Educacional Carioca, Centro Educacional Futura, EPEC-AVM, Instituto Latino de Ciência e Tecnologia  são as mais famosas. Todas do Estado do Rio de Janeiro e todas sem autorização de funcionamento lá em seu próprio Estado quem dirá em outros.

Outros casos são escolas do próprio Estado, por exemplo, o Colégio Borba Gato que era de São Paulo, mas perdeu a autorização de funcionamento.

Então, é preciso saber qual é a escola para saber em qual situação ela se encontra lá no Rio de Janeiro e é possível saber por meio do SEEDUC -Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro.

Se a escola lá no Rio de Janeiro na época que certificou o aluno do Estado de São Paulo ou do Paraná ou mesmo de outro Estado tinha autorização de funcionamento é possível tentar um visto confere da SEEDUC e daí sim resolver o problema.

Tem casos que somente via Justiça se consegue resolver. Há outros que não dão mesmo, será preciso começar tudo de novo, fazendo EJA – Educação de Jovens e Adultos em escola pública para não entrar em outra fria ou prestando o ENEM e indicando que quer o certificado de conclusão do ensino médio.

Se você precisa de ajuda para desenrolar o fio da meada você pode deixar o seu caso aqui em comentário que eu responderei as suas dúvidas.

Mas se quiser contratar os meus serviços para que eu faça um busca na documentação e lhe dê um caminho,  me avise por sonia@centrodestudos.com.br , mas atenção, cobro honorários para fazer este trabalho,ok?

 

Tags: , ,

Veja Também:

68 Comentários »

  1. José Marques comenta:

    agosto 10, 2016 @ 10:33

    Sônia, e como fica a questão dos cursos superiores a distância? Eles são autorizados pelo MEC, mas o Conselho estadual do meu Estado diz que não são autorizados a funcionar poe ele, e por causa disso estou impossibilitado de receber meu diploma.

  2. Sônia R. Aranha comenta:

    agosto 25, 2016 @ 0:51

    José Marques, ué… não sei opinar a respeito. Qual faculdade? Qual Parecer do CEE? A faculdade que oferece este curso a distância tem credenciamento do MEC?
    Somente com esses dados e´que eu posso tentar lhe responder,ok?
    aguardo

  3. Rafael comenta:

    setembro 17, 2016 @ 1:50

    Boa tarde, Sonia.

    Conclui ensino médio em 2007 a distância por isso estou com dúvida sobre a validade dele, pois gostaria de dar continuidade aos estudos e lendo comentários em seu blog vi que muita gente esta tendo problemas…existe a possibilidade de checarmos se realmente meu certificado é válido? Para assim me ingressar em uma faculdade ou correr atras do prejuizo e adquirir um certificado valido? Qual a recomendação? Obrigado.

  4. Sônia R. Aranha comenta:

    setembro 22, 2016 @ 4:11

    Rafael, você tem que procurar a Secretaria de Educação do seu Estado. Ela saberá dizer sobre a validade ou não do certificado, ok?

    abraços

  5. Fabiola comenta:

    setembro 25, 2016 @ 1:32

    Sônia por favor me ajude, fiz o supletivo no rio pela escola carioca ( cobra e sei lá quantos nomes mais ) fiz as provas presenciais. Enfim … uma amiga que fez anos depois teve agora o superior suspenso por fraude no certificado, eles me deram histórico e xerox do Darìo oficial mas eu perdi … enfim estou acabando faculdade agora e deixei lá somente o diploma … e estou apavorada que esse seja falso, agora em pesquisa depois de ler vários posta seus ( aliás muito obrigada) vi que eles falsificam essa cópia de dario oficial, com esse dado eu fiz a pesquisa pela “possível publicação ” 3 fiquei muito feliz em achar , enfim são duas as perguntas:
    – Se for publicado quer dizer que está ok ?
    – Um advogado pode acelerar esse processo via seeduc? Não tenho tempo a perder…. me indique algum advogado com conhecimento de causa aqui no rio, por favor aguardo urgente.

  6. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 2, 2016 @ 4:49

    Fabiola, um jeito mais rápido de tentar regularizar é via Justiça. Há muitos casos que o juiz concede liminar e força a faculdade a emitir o diploma. De modo que considere acionar a Justiça. Entre em contato para que eu possa lhe dar um contato de advogada do Rio de Janeiro ok? abraços

  7. Paulo comenta:

    outubro 13, 2016 @ 17:03

    Boa Tarde!

    Devido á vários problemas segue meu caso: Resido em São Paulo, fiz o Supletivo a distância, conclui em 14/03/2008 recebi o Certificado de uma Instituição do Rio de Janeiro, dei entrada na Universidade no segundo semestre de 2012, onde não tive problemas com minhas documentações, e termino o curso no final do primeiro semestre de 2017 devido á vários comentários negativos sobre fraudes de Certificados, fui até a Secretaria da Universidade para sanar estas dúvidas e me REAFIRMARAM, que minhas documentações estão corretas, segue dados de meu Certificado:

    Instituição: Centro Educacional Carioca-EPEC-AVM
    Conclusão: 14 de Março de 2008
    Dados que constam em meu Certificado: número do RGA, número em FL, número do livro, nome carimbo assinatura e documento diretora,nome carimbo assinatura e documento da Secretária Escolar, Histórico, Selo da Instituição, Selo da Corregedoria de Justiça do Rio de Janeiro assinado e carimbado, Selo do Cartório assinado e carimbado, todos com reconhecimentos de firma, carimbo da Secretaria de Estado de Educação Subsecretaria de Educação Coordenadoria de Supervisão Educacional Coordenação de Controle Escolar do Rio de Janeiro, assinado carimbado, com nome e matricula do Inspetor escolar, e também meu nome em Diário Oficial, com data e número de FLS. Após conclusão e retirar meu diploma, tenho que dar entrada no Conselho aqui em São Paulo, meu nome não vai constar no GDAE, pois é um Instituição de São Paulo, e conclui o Ensino Médio pelo Estado de Rio de Janeiro, alguém pode me ajudar se meu certificado esta correto? ou se falta algo?, pois a Universidade por duas vezes me afirmou que sim, mas devido a tantos comentários negativos ficamos receosos com tais situações, e a SEEDUC do RJ, tanto em seu site ou fone, é quase impossível de sanar dúvidas, desde já agradeço e fico no aguardo!

  8. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 13, 2016 @ 17:27

    Paulo, de fato o Centro Educacional Carioca EPEC-AVM não tem mais autorização, porém em 2008 tinha.

    De modo que se o certificado data de 2008 e tem o carimbo e assinatura do inspetor escolar , responsável legal da Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro, o certificado é válido, pois esse carimbo e assinatura é o visto confere.

    Você não tem GDAE , obviamente porque o certificado não é daqui, mas tem o visto confere que é o mesmo que o GDAE.

    Faça a pergunta na faculdade mais uma vez, porém por escrito e peça que respondam por escrito, porque se na hora de emitirem o diploma recusarem vc terá uma prova de que você recebeu enquanto resposta uma afirmativa da faculdade.

    O problema sempre aparece na hora de emitirem o diploma, daí que já receberam todos os anos dizem que não podem emitir o diploma porque o certificado não é válido. Se isso ocorrer terá que entrar na Justiça ok?

    abraços

  9. karol comenta:

    fevereiro 15, 2018 @ 22:34

    Boa noite,
    Estou com um problema parecido, tenho meu certificado de ensino médio emitido pela EPEC-AVM em uma escola de Valinhos que já não existe mais, a conclusão foi no ano de 2008, segundo informações que encontrei no JUSBRASIL segue o link:
    https://www.jusbrasil.com.br/diarios/31665223/pg-305-trf-1-trf-1-de-21-10-2011
    A escola deixou de ser autorizada no ano de 2009, sendo que quem concluiu anteriormente, tem o diploma válido.
    Eu conclui vários cursos no qual era necessário o ensino médio e nunca houve problemas, incluso conclui um curso pelo SISUTEC programa do Governo Federal e possuo a licença de Enfermagem, Bombeiro Civil, fiz cursos fora e o diploma foi validado pelo Ministério das Relações Exteriores, acontece que em um último curso pelo SISU o meu diploma foi perdido no trâmite, ainda estou na busca por ele, mas o meio mais direto seria solicitar uma segunda via, e ai começou toda a saga…
    Tenho cópia do diploma, tenho o Diário oficial impresso e autenticado na publicação da época com meu nome na conclusão e todos os cursos que concluí no decorrer dos anos.
    A questão é que já entrei em contato com todos os órgãos públicos, obtive respostas e orientações e após feito tudo, ainda não consegui a segunda via e me orientaram prestar a prova do ENCEEJA.
    Minha última tentativa será ir na Diretoria de Ensino a fim de certificar a autorização de funcionamento da época da escola de Valinhos, que era na Av dos esportes 450.
    Penso que não poderia fazer o ENCEEJA, mas foi o caminho mais direto que a secretaria de Educação do Rio me orientou a fazer, incluso possuo todos os e-mail e arquivos guardados.

    Desde já agradeço a atenção

  10. Sônia R. Aranha comenta:

    fevereiro 16, 2018 @ 17:14

    Karol, a Diretoria de Ensino é a Campinas-Norte que supervisiona as escolas de Valinhos. Provavelmente esta “escola” não era uma escola e sim uma intermediadora de venda de certificado.

    Não vai conseguir a 2a via do certificado porque esta escola certificadora foi cassada e quem poderia fazer isso é a SEEDUC, porém o momento dos órgãos públicos do Estado do Rio de Janeiro é precário de modo que é difícil conseguir uma solução.

    Você pode tentar além do exame ENCEEJA acionar a Justiça. Caso precise posso lhe indicar advogada no Rio que atua em casos de certificados com este tipo de problema. Entre em contato: sonia@centrodestudos.com.br

    Att

  11. Vitor Junior comenta:

    maio 26, 2018 @ 14:06

    Sônia. Primeiramente parabéns pela página. Com certeza ajudou centenas de pessoas.

    Meu caso é: Sou de SP e conclui o ensino médio no CFAC centro de formação aplicação e Cultura em outubro de 2013. O qual tive que ir até o RJ para fazer uma prova.
    Finalizando eles me deram o histórico, certificado de conclusão e cópia do diário oficial do RJ onde consta meu nome como aprovado. Porém fiz um curso técnico e não consegui retirar meu diploma pois não aceitavam esse certificado. Pesquisei por alto e vi que a entidade estava valendo ainda em 2013.

    Bom. No meu caso tem solução? Preciso entrar com processo ? Ou é um caso perdido?

    Agradeço desde já.

  12. Sônia R. Aranha comenta:

    maio 30, 2018 @ 2:30

    Vitor Junior, bem, esta escola tinha autorização de funcionamento apenas no Estado do Rio de Janeiro concedida pelo Parecer CEE-RJ n.115/2008 por 5 anos em setembro de 2013. Veja que o seu certificado é datado em outubro de 2013. Aí já tem um problema.

    As escolas em São Paulo técnicas ou faculdades não estão aceitando certificados de escolas do Rio de Janeiro realizadas a distância em função dos milhares de problemas que isso gerou, então, não é fácil resolver esta situação.

    O caminho mais fácil e barato é você fazer um CEEJA – curso flexível e em São Paulo tem para obter um certificado válido com GDAE de conclusão do ensino médio. Daí você terá um problema com o técnico em função da data, mas fica mais fácil conseguir que o técnico forneça o seu certificado. Talvez tenha que ir para a Justiça mas é mais fácil de conseguir.

    Para salvar este seu certificado tem que constituir advogado no Rio de Janeiro , posso lhe indicar uma que atua neste problema e tem obtido êxito, mas cada caso é um caso, e não há garantia de êxito, mas se tiver , ela consegue.

    ok?

    abraços

  13. Rita comenta:

    junho 26, 2018 @ 22:42

    Boa tarde!! Terminei ensino médio pelo enceja..eu passei estou aguardando ,o meu certificado de competência. Queria saber se quando eu pega meu certificado ,o meu nome já consta lista concluente do gde.pois sou são Paulo?

  14. Cristiane comenta:

    junho 27, 2018 @ 0:48

    Sonia, boa noite!
    Conclui o ensino médio a distancia pelo Centro Educacional Carioca – RJ ano de conclusão 2008, vi alguns comentários que até 2008 a instituição tinha autorização para emitir os certificados a distancia, recebi o certificado como concluído e apto a nivel superior, minha dúvida é, quero voltar os estudos e entrar na faculdade e estou com receio de ter surpresas, sou de São Paulo.
    poderia dar alguma informação.
    obrigado…

  15. Sônia R. Aranha comenta:

    junho 27, 2018 @ 20:18

    Cristiane, difícil, heim? Faculdade de São Paulo não estão aceitando certificado desta escola e de outras a distância do Rio de Janeiro. Então, a faculdade não emitirá o diploma e vai solicitar uma regularização que de fato não precisaria porque no certificado (se tiver) há o visto confere. A solução é entrar na Justiça ou fazer o CEEJA o que eu lhe recomendo que é um supletivo público e flexível, com isso você obterá um certificado válido para o Estado de São Paulo com o GDAE e o problema é em definitivo resolvido e com pouco investimento. No entanto, se quiser, posso lhe indicar advogada do Rio de Janeiro para vc fazer uma consulta, alerto apenas que a consulta não é gratuita. Entre me contato: sonia@centrodestudos.com.br
    abraços

  16. Sônia R. Aranha comenta:

    junho 27, 2018 @ 20:20

    Rita, eu acho que não haverá o GDAE, no entanto, como não tenho certeza, recomendo que entre em contato com uma Diretoria de Ensino (vou lhe passar o telefone de uma delas pois em São Paulo há várias : (11) 3855-3632) e pergunte a respeito, ok?

    abraços

  17. Camila comenta:

    julho 4, 2018 @ 20:02

    Sônia
    Boa tarde
    Em 2013 fiz um ensino a distância em São Paulo , se chama centro educacional pódio Ltda ,meu nome saiu no edital do rj e nunca recebi meu diploma , na época me enviaram uma carta para apresentar na faculdade , a faculdade aceitou , eu terminei a faculdade agora , para a entrega do diploma da faculdade eles exigem o diploma do ensino médio , descubro que esse centro educacio nal o dono foi preso e eu e milhares de pessoas foi enganada , neste caso a solucao ?

  18. Sônia R. Aranha comenta:

    julho 5, 2018 @ 5:20

    Camila, só na Justiça que você conseguirá resolver este problema.

    Recomendo que faça consulta com advogada que é atua nesta área e já conseguiu resolver alguns casos assemelhados.

    encaminharei por e-mail o contato da advogada.

    Recomendo porque você já terminou a faculdade e mesmo que faça CEEJA terá problemas e dependendo da faculdade não emitirá o diploma exceto por força de mandado de juiz.

    ok?

    abraços

  19. Erasmo comenta:

    agosto 20, 2018 @ 18:07

    Boa tarde.

    Morei em São e trabalho com eventos,como meu trabalho na ocasião eram mais no rio de janeiro,eu fiz no colégio pódio o supletivo em 6 meses,estudava nas estradas e fazia as provas na escola, conclui,peguei meu histórico escolar,nele consta todas as instituições de ensino nas quais estudei,consta o número do registro no MEC, RGI,visto ,nome e carimbo do diretor da escola,e de 2015…acredito que dará certo no meu ingresso na faculdade né amiga,agora fiquei com um pé atrás depois de tantos comentários…me dê uma luz amiga….obg

  20. RODRIGO ROSSI FRANCISCO comenta:

    agosto 22, 2018 @ 0:04

    Oi Sonia, boa noite!
    Como faço para saber se a escola que eu completei meu ensino médio (supletivo) era credenciada no ano em que eu me formei?
    Porque parece que hoje em dia essa escola não é mais credenciada…

  21. Sônia R. Aranha comenta:

    agosto 23, 2018 @ 17:42

    Rodrigo, quem pode fornecer esta informação é a Secretaria de Educação do seu Estado que supervisiona as escolas ou o Conselho de Educação do seu Estado que dá autorização para escolas funcionarem, ok?

    abraços

  22. Sônia R. Aranha comenta:

    agosto 23, 2018 @ 17:45

    Erasmo, se o seu certificado data de 2015, se tem o carimbo do inspetor de aluno com assinatura e você tem a publicação do seu nome no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro o seu certificado é válido e a faculdade não deverá se opor.

    No entanto, as faculdades de São Paulo não estão aceitando o certificado do Rio de Janeiro de escolas que estão extintas por irregularidades. Este é um problema.

    Há faculdades que permite o ingresso mas quando for para emitir o diploma não o fazem alegando irregularidades com o certificado. Se isso ocorrer recomendo a Justiça único caminho para resolver o problema.

    ok?

    abrçaos

  23. Renata Martins comenta:

    agosto 28, 2018 @ 20:47

    Boa tarde, Profa Sônia!
    Estou muito aflita! Cursei meu Ensino Médio em 2002 e estou estudando para concurso, pois estou desempregada há mais de um ano e preciso trabalhar. Na época em que finalizei o curso, em Técnica em administração, não fui informada pela instituição que precisava estagiar. A escola foi extinta e tomei ciência de que meu diploma é inválido. Durante o curso, eu trabalhava na área administrativa de uma empresa. Esse período poderia ser contado como estágio, se eu tiver como comprovar através da minha carteira de trabalho? Como devo proceder? Ajude-me, por favor! Desde já, muito obrigada!

  24. Sônia R. Aranha comenta:

    agosto 30, 2018 @ 3:36

    Renata, não sei lhe responder porque esta informação precisa de uma série de dados que eu não disponho.

    Você deve procurar a Secretaria de Educação do seu Estado responsável pela escola que você cursou o técnico para saber como é que você resolve esta questão do estágio para não perder o seu certificado.

    ok?

  25. Renata Martins comenta:

    setembro 6, 2018 @ 13:15

    Bom dia, Profa Sônia! Foi uma funcionária, da própria Secretaria de Educação do meu Estado, que disse que eu teria que refazer o meu segundo grau, já que não fiz o estágio. Mas será que não há outra forma de concluir esse estágio, já que frequentei as aulas e paguei por elas durante todo o período em que estudei? Fazer tudo de novo por falta de orientação da instituição onde estudei não seria injusto? O pior é que a escola foi extinta e não tenho sequer como reivindicar meus direitos. O que fazer? Desde já, muito obrigada!

  26. Sônia R. Aranha comenta:

    setembro 8, 2018 @ 1:44

    Renata Martins.. talvez um caminho é o Conselho Estadual de Educação, tente fazer uma consulta (por escrito, bem formal nada de fazer à mão porque o caso requer formalidade) e verificar o que eles sugerem para que não tenha que refazer o Ensino Médio .. mas é difícil porque veja se a escola foi extinta ..é porque tinha irregularidade e como não há provas de nada.. como é que eles irão permitir que você fique sem o estágio? Difícil, mas tentar sempre é uma opção válida…

    Seria injusto.. mas … se a escola está extinta…

  27. Renata Martins comenta:

    setembro 12, 2018 @ 19:50

    Muito obrigada pela orientação, Profa. Sônia!

  28. Ana Ferreira comenta:

    setembro 19, 2018 @ 23:14

    Boa noite Prof.Sonia
    Conclui o ensino médio,e o meu certificado e´ de uma escola de outro Estado,estava no 6º período do curso,quando nas férias de julho recebi um comunicado de que o certificado do ensino médio não era válido,pois a secretaria de educação do Estado não reconhece,porem a escola em fiz o ensino médio está regularizada pelo conselho municipal e não pelo Estadual,a faculdade ao receber o comunicado oficial da secretaria de Educação cancelou minha matricula,diante dos fatos a coordenadora da escola mandou para a faculdade todos os documentos comprovando a regularização da escola pela secretaria de educação municipal,numero do Inep..dentre outros,porem a faculdade não se manifestou,demonstrando total desinteresse,tendo em vista que a mesma ao cancelar minha matricula, disse que o certificado e´ falso,e que a escola não está ativa,porem essa informação não tem veracidade, o que devo fazer? o certificado de conclusão do ensino médio é válido em todo território nacional,e tem autorização para expedir o mesmo por ser regularizado,pois há um conflito entre o conselho municipal e Estadual,e eu estou prejudicada por essas divergências.

  29. Sônia R. Aranha comenta:

    setembro 24, 2018 @ 0:22

    Ana Ferreira,

    Constitua um advogado porque o caso deve ser resolvido na Justiça,porque você não poderá perder tudo o que estudou até o momento no ensino superior.

    ok?

    abraços

  30. Ana Ferreira comenta:

    setembro 24, 2018 @ 18:52

    sim, obrigado pela resposta prof.Sonia

    abraços

  31. Leandro Tanaka comenta:

    setembro 25, 2018 @ 14:12

    Bom dia, sou de sp e eu conclui o ensino medio a distancia pela EPEC – AVM em dezembro de 2008 e eu gostaria de saber se meu diploma então nao tem validade alguma né?

  32. Sônia R. Aranha comenta:

    setembro 26, 2018 @ 5:52

    Leandro Tanaka,

    Esta escola tinha autorização de funcionamento Parecer nº 104/03,Parecer CEE-RJ n° 102/2009, encerrou as atividades do EPEC, além da suspensão de todos os seus polos. (DOERJ de 16/9/2009) e pelo Parecer CEE/RJ n° 30/2010, esta escola transferiu a Mantença para o Centro Educacional Carioca.

    Então, a priori o seu certificado está dentro do prazo que esta escola, mas você tem que observar se no verso há um carimbo da SEEDUC com o nome e assinatura do inspetor escolar e além disso seu nome publicado no DOERJ. Se tudo isso você tiver a priori o certificado é válido, mas mesmo assim você poderá ter problemas seja no ingresso de faculdade, seja na hora da emissão de diploma ou de concurso público..

    De modo que é um enrosco este certificado.

    Se você é funcionário público e ingressou com este certificado.
    Se você já concluiu a faculdade e está aguardando a emissão do diploma

    Eu recomendaria acionar a Justiça do Estado do Rio de Janeiro se você tiver visto confere e publicação do seu nome no DOERJ.

    Mas se você não concluiu ou não ingressou em ensino superior e não é funcionário público eu recomendaria fazer um CEEJA (escola pública flexível) ou prestar ENCEEEJA (para obter certificado, inscrição em Maio de 2019).

    ok?

    abraços

  33. Ricardo comenta:

    setembro 26, 2018 @ 10:24

    Olá, bom dia, eu tenho o diploca, certifica e o nome publicado no DOERJ de um supletivo que fiz pela centro educacional pódio, porém, não sei se meu diploca é válido ou não, pois não consigo resposta da seeduc, estou pensando em fazer o ceeja aqui no espírito santo, onde moro para ter um certificado garantido de um instituição pública, ou seja, que não tenha na inregular, mas eu tenho dúvida se poderia fazer o segundo grau novamente? se ter o sindicato grau outra vez porém em estados diferente

  34. Sônia R. Aranha comenta:

    setembro 26, 2018 @ 20:04

    Ricardo,

    O melhor caminho é fazer o CEEJA ou o CEJA.

    Obtenha um certificado em escola pública para não ter mais dores de cabeça!

    abraços

  35. Adriana comenta:

    setembro 27, 2018 @ 17:43

    Boa tarde.
    Gostaria de saber sobre a validade do certificado de conclusão do Ensino Médio do Centro Educacional Carioca. A data da conclusão é de 20 de Dezembro de 2015. Por favor, pode me ajudar com essa informação?

  36. Fabricio comenta:

    outubro 1, 2018 @ 21:37

    Olá, boa noite fiz meu ensino médio a distancia no CFAC, Centro de Formação Aplicação e Cultura ltda. No Rio de Janeiro, terminei o curso em maio de 2010 recebi meu certificado e uma copia do diário oficial. Gostaria de saber se meu certificado estaria valido e aonde poderia ir para dar autenticidade ao meu certificado obrigado.

  37. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 2, 2018 @ 18:42

    Fabricio… se você mora no Estado do Rio de Janeiro e se o certificado em seu verso tem carimbo da SEEDUC e assinatura do inspetor escolar e se a data da emissão do certificado está dentro do período que o CFAC tinha autorização de funcionamento a priori seu certificado é válido.

    Mas se tem tudo isso e você mora em outro Estado, por exemplo, no Estado de São Paulo terá problemas porque um aluno do Estado de São Paulo não pode estudar à distância e receber um certificado de um outro Estado cuja escola não tinha autorização de funcionamento da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo (por exemplo).

    Então, há um problema se for este o seu caso. E em função disso e das milhares de fraudes com certificados as faculdades paulistas e também de outros Estados não estão aceitando certificado de escolas cassadas do Rio de Janeiro mesmo que na época gozam de autorização da Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro.

    Então, se o seu certificado tem no verso visto confere e também seu nome foi publicado em data que a CFAC tinha autorização você poderá ingressar na Justiça para solicitar ao SEEDUC uma certidão de força de certificado para atestar a veracidade do certificado. Desse modo as faculdades ou concursos públicos aceitarão.

    Mas eu recomendaria que você fizesse outro supletivo em escola pública CEEJA ou prestar o ENCEEJA, porque poderá ter problemas com este certificado… acho melhor garantir um em escola pública ,ok?

    abraços

  38. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 2, 2018 @ 19:08

    Adriana, o CENTRO EDUCACIONAL CARIOCA e EPEC/AVM somente tinha autorização para ministrar a Educação de Jovens e Adultos à Distância – EJA – no âmbito do Estado do Rio de Janeiro, bem como teve suas atividades encerradas no ano de 2008, não tendo autorização para ministrar cursos, emitir Histórico e Certificado Escolares após a data acima informada.

    Esta é a informação que eu tenho,ok?

    abraços
    ________________________________________

  39. Antonio comenta:

    outubro 15, 2018 @ 14:11

    Bom dia,por favor, quais os itens impressos em um certificado de ensino medio a distancia que demonstra autencidade,pois em 08/12/2008, concluir o ensino medio pela EPEC-AVM.

  40. Antonio comenta:

    outubro 15, 2018 @ 14:18

    É uma duvida que tenho,poderia me informar, por for? Obrigado!

  41. Ribeiro comenta:

    outubro 17, 2018 @ 20:51

    Eu sou do paraná e fiz ensino médio pelo Epec-avm do Rio de janeiro em 2009 e meu nome consta do diário oficial. Eu comecei estudar na Unip por 2 anos e nunca disseram nada sobre meu certificado e eu tranquei após saber que o Epec-Avm foi instinto. Eu consegue fazer o ensino médio pelo enem….porém gostaria de saber se eu consigo aproveitar o que foi estudado na unip com o certificado do Epec-Avm.

  42. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 18, 2018 @ 4:31

    Ribeiro, ENEM depois da Presidente Dilma foi extinto a oferta de certificado.

    Agora somente via ENCEEJA.

    A UNIP não dá diploma mesmo, fez bem em trancar a matrícula.

    Preste ENCEEJA e depois retorne a faculdade.

    Sim, o que você estudou na UNIP é aproveitado, ok?

    Mas atenção, ENEM não tem mais para certificar.

    abraços

  43. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 18, 2018 @ 4:47

    Antonio,

    1) No verso se tem o carimbo da SEEDUC e assinatura do inspetor escolar.
    2) Se a data da emissão do certificado a escola tinha autorização de funcionamento
    3) direção e secretaria – há certificados que são falsos porque o nome da direção e da secretaria não correspondem porque não trabalharam na escola e a assinatura é falsa.

    1) Parecer CEE nº 030/2010 CENTRO EDUCACIONAL CARIOCA – CEC: obteve apenas a transferência de mantença por pedido da EPEC, através do Parecer CEE nº 030/2010, publicado em 20/08/2010, que “Aprova a transferência de mantença da Empresa de Pesquisa, Ensino e Cultura – A Vez do Mestre para o Centro Carioca de Ensino Superior Ltda., ocorrida em 2006, apenas para fins de regularização da vida escolar dos alunos, e dá outras providências”. E, ainda conforme consta no Voto do Relator no mesmo Parecer “(…) apenas para fins de regularização da vida escolar dos alunos matriculados até 31/12/2008, entendendo-se que a entidade mantenedora sucessora da EPEC-AVM, para dar continuidade as suas atividades educacionais, tem que solicitar credenciamento e autorização a este Conselho”

    Veja a EPEC-AVM foi vendida para o Centro Educacional Carioca.. precisa ver no certificado se consta isso também.
    ok?

    abraços

  44. Antonio comenta:

    outubro 18, 2018 @ 11:14

    Tem todos os 3 itens,porem o carimbo do inspetor esta com o seu proprio nome, matricula e assinatura. esta nessa sequencia: assinatura a punho, o carimbo esta; o nome completo e embaixo inspetor escolar-CRRMX e o numero da matricula. Esta correto?

  45. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 18, 2018 @ 15:02

    Antonio, sim , está correto… a priori, como disse, parece que não há problemas… mas se você é funcionário público , da polícia militar, por exemplo, poderá ter problemas. Fui procurada por um policial que foi exonerado. Então, qual o caminho se isso ocorrer.

    1) Justiça no Rio de Janeiro contra a Seeduc para emitir certidão com força de certificado.
    2) Justiça no seu Estado contra a Coorporação para que faça a reintegração de cargo.

    ok?

    abraços

  46. Antonio comenta:

    outubro 18, 2018 @ 15:44

    ok, obrigado pela resposta e conselho.

  47. Anônimo comenta:

    outubro 19, 2018 @ 16:21

    Boa tarde!

    Sônia, se o Colégio foi extinto e posteriormente cassado, isso tornará invalido o documentos escolares emitidos por esse colégio? Tenho Certificado (com assinatura do Inspetor Escolar), publicação em Doerj e Histórico Escolar. Meu colégio é do Rj e sou do Rj também.

  48. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 21, 2018 @ 18:27

    Anônimo.. não… se o certificado de conclusão do ensino médio foi emitido quando o colégio tinha autorização de funcionamento e somente depois é que foi extinto .. não invalida o certificado.

    Agora, cada caso é um caso.. Mas se há visto confere, se o seu nome foi publicado no Diário Oficial e se você é do Rio de janeiro e o certificado foi emitido no período que a escola tinha autorização da SEEDUC para funcionar o seu certificado é válido.

    Exceto se as assinaturas sejam todas falsas e o certificado é falso. Falso não é igual a inválido. Falso é aquilo que foi falsificado. Inválido é um certificado que embora verdadeiro foi emitido fora do patrão isto é não tem o visto confere.. por exemplo.

    ok?

    abraços

  49. GUTO comenta:

    outubro 22, 2018 @ 17:21

    boa tarde dr.a fiz o supletivo a distancia no rio .a escola era podio formei em 18 outubro de 2011 ,a escola tinha autorizacao .tenho o certificado com o visto do inspetor da seeduc ,historico,ea pagina do diario oficial registrado em cartorio.passei em um concurso de nivel medio e estou preocupado se esses documentos vao ser validos ,com sua vasta experiencia oque pode me dizer a respeito dessa situacao.sou de minas gerais.e fiz as provas presenciais

  50. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 25, 2018 @ 22:02

    Guto, a priori o seu certificado é válido porque o Colégio Pódio tinha autorização de funcionamento e se tem o visto confere e tudo o mais é para ser aceito.

    Mas, no Estado de São Paulo não estão aceitando certificado na modalidade a distância do Rio de Janeiro. Não sei como é que está em Minas Gerais.

    No entanto, se houver problemas você deve tentar a Justiça do Rio de Janeiro para que a SEEDUC emita certidão com força de certificado para validar mais uma vez o certificado a fim de que o órgão público aceite …

    ok?

    abraços

  51. GUTO comenta:

    outubro 26, 2018 @ 3:24

    obrigado vou fazer isso ,ja me deu uma luz no estado de minas gerais nao esta aceitando tambem nao .infelizmente ou faz o encceja ou eja para seu diploma ser valido em todo territorio nacional,esses colegios sao um pior que o outro .

  52. Sônia R. Aranha comenta:

    outubro 26, 2018 @ 16:59

    Guto, verifica se aí tem CEEJA – ou algo assemelhado que é um supletivo público mas é flexível.. não precisa frequentar regularmente.. facilita muito… ok? abraços

  53. Antonio comenta:

    outubro 29, 2018 @ 19:16

    Boa tarde, tenho uma duvida com relação a Visto confere. O meu certicado de ensino medio a distancia é emitido pela a EPEC-AVM, em 2008,porem não tem o carimbo da SEEDUC e sim o do inspetor escolar com a matricula, sigra CRRMX e assinatura. Este Visto confere é valido? Desde já,muito obrigado.

  54. DIEGO comenta:

    outubro 30, 2018 @ 19:24

    Olá fiz um supletivo na cidade de Santo André Futura Supletivo SP só que realizei a prova no RJ escola CFAC, estou querendo fazer uma faculdade agora e não sei se vão aceitar, ja vi reclamações de pessoas que não conseguiram o diploma por causa dessa escola não poder certificar pessoas aqui de SP. Na faculdade disseram que eu precisaria pagar pelo menos a primeira parcela para eles verificarem se meu diploma é válido, não sei o que faço

  55. Sônia R. Aranha comenta:

    novembro 1, 2018 @ 17:52

    Diego, não pague nada na faculdade…

    Deixe este certificado pra lá e faça CEEJA – Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos … Alcantara Machado, 4188 – Quarta Parada – São Paulo – SP – Fone (11) 2604-5849/2605-9975 escola pública e flexível.. em pouco tempo você obterá um certificado válido no Estado de São Paulo sem gastar mais com isso ,ok?

    Infelizmente as faculdades de São Paulo não estão aceitando certificados do Rio mesmo que você tenha ido até lá para fazer provas… Depois terá que acionar a Justiça do Rio de Janeiro para poder obter uma certidão com força de certificado… vai gastar mais de R$ 3.500,00… Não vale a pena para você que ainda não ingressou na faculdade.

    Faça CEEJA escola pública sem erro, ok?

    E não caia em outra arapuca.. paga nada para a faculdade.. eles não vão verificar nada e você vai fazendo e quando forem emitir o diploma não emitem e daí você perdeu tempo e dinheiro, ok?

    abraços

  56. Sônia R. Aranha comenta:

    novembro 5, 2018 @ 18:06

    Antonio, a princípio sim… deveria ser válido. Agora.. o problema é se você mora no Estado de São Paulo porque as faculdades e concurso públicos não estão aceitando certificado desta escola do Estado do Rio de Janeiro… então, a princípio é válido…

  57. Mackay morais comenta:

    novembro 8, 2018 @ 4:12

    Bom dia Sônia!
    Sou de Belo Horizonte minas gerais e em 2012 cai nesse golpe do instituto latino de ciências e tecnologia ai do RJ, hoje já extinto. Fiz todas as provas etc… Fiz um curso técnico em edificações, quando fui tirar meu CREA em 2017 veio a surpresa.
    Minha pergunta é: Como meu diploma não é reconhecido pelo MEC se está publicado no diário oficial do RJ? Fiz contato na secretaria de educação do RJ é fui informado que o diário oficial não averigua dados somente pública. isso procede? Desde já agradeço a atenção.

  58. Sônia R. Aranha comenta:

    novembro 11, 2018 @ 14:47

    Machkay,

    1) O MEC não tem nada a ver com isso porque o MEC é responsável por políticas públicas e pela supervisão do ensino superior. Quem faz a supervisão do Ensino Médio são as Secretarias de Educação. No caso quem tinha que supervisionar e assim o fez porque fechou a escola foi a Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro.

    2) Para que o nome seja publicado no Diário Oficial deve constar a supervisão do inspetor escolar. Ocorre que as escolas podem publicar sem que o inspetor tenha tido conhecimento.

    3) Mas se : 2.1) você tem certificado com visto confere (carimbo da SEEDUC e assinatura do inspetor escolar no verso do certificado; 2.2) seu nome foi publicado no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro (atenção tem que ser do Estado e não da União e não do Município); 2.3) e se o certificado foi emitido na época que o Instituto Latino de Ciência e Tecnologia era credenciado a funcionar, daí você poderá tentar regularizar a situação via Justiça no Estado do Rio de Janeiro. Posso lhe indicar advogada especialista neste assunto e que já conseguiu resolver alguns casos desta mesma escola, mas para isso ela tem que analisar a sua documentação. Caso precise entre em contato: sonia@centrodestudos.com.br .. Alerto apenas que a consulta com a advogada não é gratuita.

    ok?

    abraços

  59. Fábio silva comenta:

    novembro 12, 2018 @ 23:02

    Olá! Boa noite Sônia!
    Minha dúvida é.. eu recebi um certificado da conclusão do meu supletivo do ensino médio, porém, ele só veio com o carimbo do secretario e da diretora da escola(com seu número de identificação de tudo maia), no verso tem dizendo os números de uma lei que diz que supostamente os certificados do ensino médio não precisam de carimbo de órgão publico, sabe me conferir se isso é verdade? Posso usar esse certificado?

  60. Sônia R. Aranha comenta:

    novembro 13, 2018 @ 17:34

    Fábio, não, não sei… que eu saiba o certificado emitido pelos outros Estados, exceto São Paulo que tem um cadastro eletrônico GDAE , precisa do visto confere… então, recomendo que peça informação oficial da Secretaria de Educação responsável pela supervisão desta escola, ok?

    abraços

  61. Tatiane Ribeiro Bahia Constantino comenta:

    novembro 21, 2018 @ 16:31

    Boa tarde Sônia fiz meu ensino médio no centro edicacional podio em 2012 recebi meu diploma em fevereiro de 2014 e fui publicada em fevereiro de 2014 tmb tem a assinatura da inspetora atrás porem fiquei preocupada pq um amigo me atentou sobre não ser válido fiz técnico em enfermagem e tudo e nunca me atentei a isso

  62. Jaqueline comenta:

    novembro 24, 2018 @ 11:34

    Oi bom dia estou na mesma situação, meu diploma é do Rio de Janeiro, ai fiz 4 anos faculdade na época tinha aceitado, agora como vou colar grau, estão dizendo que falta visto confere, quer publicação no diário oficial.
    Cheguei falar com um advogado aonde, ele disse que faculdade não pode reter meu diploma, porque se tinha algo errado era pra ter impedido, deu fazer matrícula lá atrás, não deixa eu termina a faculdade.

  63. Sônia R. Aranha comenta:

    novembro 24, 2018 @ 18:02

    Jaqueline,

    Infelizmente o seu advogado deu uma informação parcialmente correta, porque a faculdade não deveria ter permitido que você cursasse com um certificado inválido, mas por outro lado a faculdade pode alegar má-fé de sua parte de ter apresentando um documento fraudado… Enfim… este é um assunto difícil…

    O problema não é por aí.. o problema é resolver o seu certificado de conclusão do ensino médio… E por qual motivo? Centenas de pessoas comprar certificado de conclusão do ensino médio e várias escola (extintas no momento) cometeram fraude..

    Então, é preciso resolver o problema:

    1) Se o seu certificado tem visto confere no verso
    2) Se você tem o seu nome publica do em Diário Oficial
    3) Se a data que o seu certificado emitido estiver compatível com o período que a escola tinha autorização de funcionamento…

    Você poderá ingressar na Justiça do Rio de Janeiro com uma ação contra a SEEDUC e solicitar uma certidão com força de certificado. A ação é movida no Estado do Rio de Janeiro.

    Outra possibilidade é você cursar o CEEJA – supletivo flexível e público e rápido, e obter um certificado válido.

    Apresentar o certificado válido na faculdade e mesmo assim a faculdade não emitirá o diploma porque a data de conclusão do Médio conflitará com a data de ingresso na faculdade , mas daí você solicita ao Conselho Nacional de Educação ou mesmo na Justiça a convalidação de estudos e a faculdade emitirá o diploma.

    E depois poderá acionar a Justiça contra a faculdade por ela ter permitido você passar por todo este transtorno.

    Veja que uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra.

    Mesmo que você responsabilize a faculdade o fato não vai resolver o seu problema de certificado porque NINGUÉM aceita certificado de escola extinta do Estado do Rio de Janeiro, sobretudo se você morar no Estado de São Paulo..

    Então, você tem dois problemas a serem resolvidos, mas o mais urgente é concluir o Ensino Médio de forma correta, já que é ilegal obter certificado de escola de um outro Estado diferente daquele do seu domicílio, ok?

    abraços

  64. Sônia R. Aranha comenta:

    novembro 24, 2018 @ 18:13

    Tatiane, o problema é que mesmo o certificado sendo válido (o Pódio teve um momento de autorização e a data de 2012 ele era credenciado) você poderá ter problemas se mora no Estado de São Paulo.

    O problema que uma escola do Estado do Rio de Janeiro não pode certificar aluno de um outro Estado sem a autorização de funcionamento da Secretaria de Estado,por exemplo, de São Paulo.

    E se você fez enfermagem o COREN é muito exigente e poderá ter problemas.

    O que fazer se tiver problemas:

    1) Se tiver dinheiro constituir um advogado e ingressar contra a SEEDUC para que esta emita uma certidão com força de certificado…

    2) Fazer o Ensino Médio novamente ou via CEEJA – supletivo público e flexível e rápido ou prestar o ENCEEJA.. depois solicitar para o Conselho de Educação do Estado convalidação de estudos porque haverá conflito de datas de ingresso no técnico e de conclusão do ensino médio…

    ok?

    abraços

  65. Jaqueline comenta:

    novembro 25, 2018 @ 18:08

    Sonia eu fiz lá no Rio de Janeiro na época, não foi em São Paulo, questão de termina o ensino médio, posso fazer Enem 2019 e eliminar.
    Agora a minha raiva foi a faculdade, vim falar agora que não
    Aceita depois que deixou, eu estudar 4 anos recebeu todos esses anos.
    Vai pra justiça mesmo, não vou perde os meus direitos
    Obrigação deles e verificar se o diploma valia ou nao, a única que está de inocente sou eu nessa história toda.

  66. Thais comenta:

    novembro 29, 2018 @ 4:20

    Olá boa noite.
    Cursei um supetivo a distância chamado Paulistec em Guarulhos, porém saiu os dados no diário oficial dia 22/05/09 por outra escola EPEC-AVM vi que a escola foi extinta em 2008.ão recebi diploma, histórico absolutamente nada da escola, na época eles apenas entregaram uma carta assinada pela secretária dizendo que eu havia concluído o ensino medo.
    Procede a informação que a escola encerrou as atividades em 2008.
    Obrigada

  67. Sônia R. Aranha comenta:

    novembro 29, 2018 @ 4:53

    Thais, infelizmente você não tem o ensino médio… terá que cursar porque se você não tem documento (certificado, histórico) de uma escola do Rio de Janeiro que foi extinta em 2008 e a publicação no diário é de 2009 e você é do Estado de São Paulo, não concluiu o Ensino Médio.

    Não resolve buscar informação junto a SEEDUC porque demora anos para eles darem informação.

    E sem documento não tem como entrar na Justiça.

    O que dá para ser feito:

    1) Fazer CEEJA – ensino supletivo público e flexível, em pouco tempo você termina .. https://deguarulhossul.educacao.sp.gov.br/ceeja-toda-escola-e-ponto-de-inscricao/

    Não sei se tem em Guarulhos.. precisa verificar… em São Paulo tem no https://www.claramantelli.com/

    2) Depois que conquistar um certificado válido no Estado de São Paulo você levará na faculdade e a faculdade não vai querer emitir o diploma em função do conflito de datas. Neste momento você solicita ao Conselho Nacional de Educação para que faça Convalidação de Estudos e o CNE autorizando a faculdade emitirá o seu diploma.

    Caso precise presto serviço de elaborar o documento para o CNE , porém cobro honorários.

    Este é o melhor caminho para você resolver o problema e pegar o diploma na faculdade, ok?

    Você pode , se quiser , constituir um advogado e acionar a Paulistec. Já fizeram isso e obtiveram êxito. Leia a respeito: https://tj-ms.jusbrasil.com.br/noticias/100102447/paulistec-e-condenada-a-indenizar-ex-aluno-por-danos-morais-e-materiais

    abraços

  68. Sônia R. Aranha comenta:

    dezembro 1, 2018 @ 15:10

    Jaqueline,

    O ENEM não certifica mais.

    O que talvez seja possível é fazer ENCEEJA http://portal.mec.gov.br/encceja

    Concordo com você… a faculdade é a responsável.

    abraços

Por favor, Deixe um comentário aqui !




  • Veja Também


    Meta