06
out

CentrodEstudos e o EAD

por Sônia R. Aranha às 11:16 em: EAD, Educação, Formação

O Centro de Estudos Prospectivos de Educação e Cultura (aqui) lançou no ano 2.000, de forma pioneira,  plataforma de ensino a distância , cujo objetivo é o de contribuir com a formação continuada de profissionais de diferentes setores da nossa sociedade.

Naquela ocasião a internet engatinhava, o Google era ainda iniciante , o Youtube não existia e o CentrodEstudos (aqui) por intermédio de sua plataforma de EAD própria já oferecia cursos a distância para professores de todo o país.

Durante estes 15 anos o CentrodEstudos (aqui)  certificou inúmeros professores, advogados, arquitetos, engenheiros civis, pedagogos, dentre outros.

logoCentrodEstudos

Para atender com qualidade toda esta gama de profissionais o CentrodEstudos (aqui) desenvolveu uma metodologia de ensino que se apóia em uma visão pluralística e multifacetada do mundo. Como garantia de não se ter uma única verdade, os cursos buscam uma multiplicidade de métodos interpretativos, estilos de expressão, maneiras de pensar, conhecendo a pluralidade das linguagens.

Ao mesmo tempo, leva em consideração o modelo andragógico ao compreender o participante do curso enquanto agente ativo de seu próprio conhecimento construindo significados e definindo o seu próprio sentido e representação da realidade de acordo com suas experiências e vivências em diferentes contextos.

Veja os cursos disponíveis neste momento:

Área de Educação:

Cultivando as Virtudes nos primeiros anos de Escolarização

Judicialização das Relações Escolares: como evitar

A Escrita e a Leitura na Perspectiva Vygotskyana

Área da Construção Civil:

Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

Eficiência Energética em Edificações – Ferramentas de Simulação

Redução do Consumo de Água em Edificações

Muro de Arrimo em Solo Reforçado: noções básicas

Terra Crua : especificações para projetar em painéis e blocos monolíticos

Tags: , , , , ,

Veja Também:

2 Comentários »

  1. maria augusta pereira comenta:

    dezembro 14, 2016 @ 12:36

    prof. Sônia, bom dia. Preciso saber, com urgência, como ficam as escolas particulares, depois dessa decisão do governo de não mais deter compromisso com a educação infantil e fundamental I e II. Até onde sei, as escolas particulares, até então funcionaram através de Lei delegada e se repostavam ás normas governamentais.Como o governo se declarou, a partir de Nov/2016, s.m.j, incompetente para tanto,A QUEM SE DEVEM DIRIGIR AS ESCOLAS PARTICULARES PARA RECEBEREM ORIENTAÇÕES E PRESTAREM CONTAS DE SEUS ATOS?QUEM GARANTE OU DETERMINA SEUS PROCEDIMENTOS DE ENSINO PERANTE OS ALUNOS, VALIDANDO SUAS VIDAS ESCOLARES DE EDUCAÇÃO BÁSICA? sE EU QUISER ABRIR HOJE UMA ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA, QUE REGULAMENTOS TEREI QUE SEGUIR? POSSO ELABORAR MEU PRÓPRIO REGULAMENTO E IREI APROVÁ-LO ONDE? Espero resposta e desde já agradeço.PS: mto feliz e produtiva sua iniciativa do Centro de Estudos.Necessária?!, Nem se fala.Parabéns!

  2. Sônia R. Aranha comenta:

    janeiro 2, 2017 @ 0:42

    Maria Augusta, obrigada pela visita!

    As escolas particulares de Ed.Básica são supervisionas pela Secretarias de Educação Municipal ou Estadual. O MEC só lida com políticas públicas e supervisiona o Ensino Superior e nunca supervisionou as escolas particulares de Ed.Básica.

    Se a escola oferece apenas a Ed.Infantil é a Secretaria de Educação Municipal que dará a autorização de funcionamento.

    Se a escola oferece Ed. Infantil e Ensino Fundamental e/ou Médio é a Secretaria de Educação Estadual que tem a responsabilidade de autorizar o funcionamento.

    1) Regulamentos da Secretaria que a escola está subordinada
    2) Pode elaborar o Regimento Escolar de acordo com a legislação de ensino e será submetido a homologação junto a Secretaria do Estado se a escola for ensino fundamental ou médio e Secretaria de Educação municipal se a escola for de Ed.Infantil.

    Abraços

Por favor, Deixe um comentário aqui !




  • Veja Também


    Meta